SETE MITOS E VERDADES SOBRE VERMÍFUGO PARA CÃES

Os animais de estimação precisam de diversos cuidados e, dentre eles, o controle de parasitas. Desde filhotinhos, é preciso administrar o vermífugo para cães indicado pelo Médico-Veterinário.

Isso vai ajudar o pet a crescer saudável, forte e evitará problemas de saúde que podem ser causados por vermes. Porém, mesmo que o controle parasitário seja algo comum e conhecido pela maioria dos tutores, ainda há muita dúvida sobre ele. 

O que acha de saná-las agora mesmo? Então confira sete mitos e verdades sobre vermífugo para cães.

1 Filhote não deve tomar vermífugo 

Mito! Os filhotinhos precisam receber o vermífugo. Na maioria das vezes, o Médico-Veterinário orienta que a primeira dose seja dada quando o peludo tem 30 dias de vida. Contudo, em alguns casos, ele pode prescrever o vermífugo quando o cachorrinho tiver 15 dias de vida apenas.

Tudo isso para controlar os diversos vermes que um peludo pode ter como, por exemplo:

  • Ancylostoma braziliense

  • Ancylostoma caninum

  • Toxocara canis

  • Toxascaris leonina

  • Trichuris vulpis

  • Uncinaria stenocephala, entre outros

2 É preciso repetir a dose do vermífugo depois de 15 dias

Verdade! Depois de ter administrado a primeira dose de vermífugo para cães, o tutor deve contar 15 dias e administrar mais uma dose. Isso é feito  para uma melhor varredura dos parasitas internos.

3 Dar o vermífugo que humanos tomam é adequado

Mito! Muitas pessoas acreditam que usar o mesmo vermífugo administrado para humanos nos cães é o mais adequado. Porém, é importante lembrar que os parasitas humanos são diferentes dos vermes que acometem cães.

Além disso, o cachorro pode ter diversos tipos de parasitas e cada um deles é eliminado por um fármaco diferente. É por isso que, na maioria dos vermífugos para cães, há mais de um princípio ativo em sua fórmula. 

Dessa maneira, para garantir que o vermífugo teve o efeito desejado e que a quantidade administrada foi correta, é indicado que o tutor siga o que o Médico-Veterinário prescrever. Converse com ele para que o profissional indique o vermífugo para cães mais adequado. 

4 Cachorro adulto não precisa tomar vermífugo

Mito! Os animais devem ser vermifugados durante toda a vida, incluindo os cães adultos. No geral, a administração do vermífugo para cães é feita a cada seis meses. Não se esqueça de que é preciso dar duas doses com o intervalo de 15 dias. 

5 Vermífugo líquido para cães não é eficiente

Mito! O vermífugo líquido para cães é tão eficiente quanto o comprimido. A única diferença é a apresentação. No geral, para filhotes, o líquido é o mais usado, por ser mais fácil de administrar e de determinar a quantia que deve ser dada. 

6 Preciso vermifugar todos os cães de uma vez só

Verdade! Se você tem mais de um cachorrinho de estimação, sempre administre o vermífugo na mesma data. Isso ajudará na eficiência do procedimento. 

7 Cachorro idoso não deve tomar vermífugo

Mito! Cães idosos também devem ser vermifugados para que mantenham a saúde em dia e permaneçam saudáveis. Assim como as vacinas, o vermífugo deve ser dado por toda a vida do pet. 

Gostou das dicas? Qual foi a última vez que você deu vermífugo para o seu cachorrinho de estimação? E as vacinas? Estão em dia? Saiba mais sobre elas e cuide do seu peludo!

 

 

Leave a comment

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *